Natureza

O balé alado das borboletas

Personificando a animada exuberância da flora e da fauna aos primeiros sinais da primavera, as borboletas acalentaram a visão criativa da Van Cleef & Arpels desde a sua fundação. Ao longo das décadas a Maison reproduz o voo diáfano e as infinitas nuances em suas coleções de joias, Alta Joalheria e relógios.

  • Cartão de produto de um broche borboleta, 1937. Arquivos da Van Cleef & Arpels.

    Cartão de produto de um broche borboleta, 1937. Arquivos da Van Cleef & Arpels.

Desde o nascimento da Maison em 1906, essas criaturas aladas apareceram como broches e brincos preciosos, e mais tarde foram adornados com pedras em Mystery Set™, madrepérola ou madeira laqueada. Com o tempo, elas adotaram uma estética abstrata ou figurativa para ecoar várias fontes de inspiração estimadas pela Van Cleef & Arpels: natureza, alta-costura e sorte, entre outras.

Criada em 2001, a coleção Duas Borboletas apresenta casais suspensos cravejados com pedras duras e gemas coloridas, e também materiais naturais, como a madrepérola. A sutil assimetria homenageia a vitalidade dessas delicadas criaturas.

Em 2010 a Van Cleef & Arpels deu destaque às borboletas com uma coleção de Alta Joalheria dedicada exclusivamente a este tema. A coleção Papillons celebrou o espírito destes encantadores insetos num caleidoscópio de obras-primas aladas. Borboletas também adornam os relógios da Maison, decorados com perfeita expertise. Técnicas de esmaltação – plique-à-jour, champlevé e paillonné – se misturam com pinturas em miniatura para reproduzir a variedade de cores das asas das borboletas, graciosamente exibidas nos mostradores de relógio.